Segmentos Alarmes

 
O que é Sistema GPRS?

Sistema de G.P.R.S. (General Packet Radio Service)

A solução definitiva em comunicação celular GSM/GPRS/CSD para painéis de alarme. Aumento na confiabilidade dos sistemas de comunicação celular para painéis de alarmes com redução de custos.


Sistema de dupla via de comunicação por GRPS

Além da linha telefônica comum, o sistema de alarme pode estar conectado ao Módulo GPRS. Ao ser energizado, entra na rede da operadora GSM via canal de dados (GPRS) e através dele estabelece uma conexão com o servidor de dados, criando assim um canal de comunicação ONLINE entre o cliente monitorado e a Central de Monitoramento CYGNUS ARMA, possibilitando a transmissão imediata de todos os eventos gerados pelo Painel de Alarmes no protocolo CONTACT-ID.

Quando operando como primeira via de comunicação, o painel de alarme, utiliza a linha telefônica do cliente monitorado como backup, ou seja, caso ocorra qualquer falha de comunicação via GPRS com a central de monitoramento, o módulo conecta a linha telefônica no painel de alarme permitindo que o mesmo transmita seus eventos de forma convencional.


Características

• Utiliza as redes de dados das operadoras celulares (GPRS) permitindo a contratação de planos muito mais baratos;

• Utiliza comunicação CSD (CSD = comunicação de dados utilizando o canal de voz das operadoras celulares ) em caso de falha na rede de dados e corte da linha telefônica do cliente monitorado;

• Pode se comunicar com servidores com IP fixo ou dinâmico;

• Permite testar periódicamente a disponibilidade de serviço na linha telefônica do cliente monitorado (detecta situações de interrupção de serviço de telefônia fixa devido à inadimplência do cliente monitorado);

• Transmite todos os eventos gerados pelo painel de alarmes;

• Compatível com a grande maioria dos modelos de painéis de alarmes: paradox, ademco, napco, dsc, rokonet, fbii, eletronics line, logix, inovanet, bosch, inhep, etc;

• Possui detector de corte de linha telefônica embutido;

• Permite remotamente (via GPRS) a alteração de sua configuração e a atualização de seu firmware (programa), possibilitando assim que a empresa de monitoramento mantenha-os sempre atualizados;

• Possui 2 saídas que podem ser controladas remotamente, possibilitando o arme ou desarme de painéis de alarmes sem o uso de linha telefônica (dependem da disponibilidade desse recurso por parte do painel de alarmes);

• Possui a exclusiva tecnologia "Free-Calls" que possibilita aos módulos com interface celular enviar pacotes alive (teste periódico) via canal de voz sem nenhum custo, caso a rede de dados GSM ou CDMA estejam "fora do ar";

• Pode ser utilizados como 1ª ou 2ª via de comunicação para o painel de alarmes;

• Permite o monitoramento local e remoto de seu funcionamento;

• Permite efetuar testes periódicos em intervalos de tempo mínimos (a partir de 60 segundos);

• Elimina custos com ligações telefônicas interurbanas: o cliente monitorado pode estar localizado em qualquer lugar do planeta sem acréscimo nos custos de comunicação (os módulos com interface celular dependem da cobertura local das operadoras celulares);

• Quando operando como 1ª via de comunicação para o painel de alarmes, utiliza a linha telefônica do cliente monitorado como backup, ou seja, caso ocorra qualquer falha na comunicação via rede de dados com a central de monitoramento, o módulo se conecta a linha telefônica no painel de alarmes permitindo que o mesmo transmita seus eventos de forma convencional;

• Todos os dados transmitidos são criptografados (128 bits);

• Utiliza módulos celulares GSM/GPRS/CSD integrados homologados pela Anatel (com interface celular GSM);

• Utiliza uma arquitetura não proprietária: no lado do cliente monitorado, os módulos podem se conectar a painéis de alarmes de diversas marcas e modelos que se comuniquem no protocolo contact-id. No lado da empresa de monitoramento, o software Servidor (software receptor de eventos) pode se comunicar com qualquer software de monitoramento que suporte a comunicação com um receiver tipo Ademco-685, Sur-gard, Cm-plus, Iti, dentre outros;

• Não necessitam de nenhuma zona do painel de alarmes para reportar situações anômalas tais como corte de linha telefônica e perda de comunicação com o servidor;

• Suporta duplo monitoramento;

• Possibilita testar o funcionamento do painel do alarmes (recurso anti-sabotagem);

• Monitora constantemente a ligação física com o painel de alarmes (recurso anti-sabotagem).







Conheça nossas instalações

Confira a galeria de fotos das sedes do Grupo Cygnus e descubra porquê temos a estrutura necessária para atender você.

Veja a galeria de fotos
Utilidade Pública

Confira a seleção de dicas e links
relacionados aos segmentos de
atuação da Cygnus.

Veja a galeria de fotos